Alimente sua alma. Inspire Sonhos!
Telefone + 55 (11) 96425-5122

Por Amauri Terto

Produções foram realizadas entre os anos de 1915 e 1946.

Um sujeito formado em Harvard está de volta à pequena cidade em que nasceu para abrir uma escola, mas o racismo e um grande amor atrapalham seus planos.

Numa boate do Harlem, uma mulher recebe um misterioso bilhete dizendo que ela tem apenas 10 minutos de vida. O aviso está ligada a uma assassinato ocorrido anos antes.

E um lugar desconhecido, pescadores embarcam em um trem conduzido por Satanás com destino ao inferno. Alguns deles se arrependem e abandonam o veículo.

Cena de 'Dirty Gertie do Harlem' (1946), dirigido por Spencer Williams.

Cena de ‘Dirty Gertie do Harlem’ (1946), dirigido por Spencer Williams.

As três sinopses acima são, respectivamente, dos filmes Direito Inato, Dez Minutos de Vida e Trem Para o Inferno, que integram a coleção Pioneiros Afro-Americanos do Cinema, que a Netflix acaba de disponibilizar no catálogo brasileiro.

Lançada em 2015 em DVD pela distribuidora Kino Lorber, a coleção reúne 20 filmes raros realizados por diretores negros, pioneiros do cinema, entre os anos de 1915 e 1946. Há longas, médias e curtas-metragens.

Entre dramas, filmes de fantasia, comédia e mistério, a seleção traz obras de Oscar Micheaux, Spencer Williams, Richard E. Norman, entre outros nomes que retrataram questões relacionadas à identidade negra nos EUA sob diferentes óticas e estilos.

Para assistir às produções, basta clicar aqui.

E por falar em filmes dirigidos por cineastas negros, a Netflix também adicionou ao seu catálogo no Brasil o drama Moonlight – Sob a Luz do Luar, do diretor Barry Jenkins, que venceu o Oscar de Melhor filme este ano.

Sensível e esteticamente impecável, a trama acompanha a trajetória de dor e descobertas do jovem Chiron em três importantes fases de sua vida.

Leia aqui resenha publicada no HuffPost Brasil quando o filme foi lançado nos cinemas.

Assista ao trailer:

Fonte: HuffPost Brasil

Adicionar Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados *