Alimente sua alma. Inspire Sonhos!
Telefone + 55 (11) 96425-5122

por Natália Freitas

“No Brasil, a gente fala muito do que não dá certo. Um país como o nosso não deveria ter só notícias ruins”. A fala é do otimista Rosenildo Ferreira ao contar sua motivação para criar o Prêmio Empreendedor Sustentável 2015, que, por sua vez, gerou o livro Histórias Inspiradoras. Na publicação, o jornalista fala sobre 50 empreendedores sustentáveis que foram capazes de provocar mudanças em comunidades, instituições e mentalidades.

Colunista de sustentabilidade durante 12 anos, ele também se aventurou na criação de um negócio dentro do tema: em 2013, liderou o lançamento do portal colaborativo 1 Papo Reto, dedicado a publicar notícias sobre inovação e sustentabilidade.

“Eu sempre via as mesmas empresas aparecendo”, justifica o profissional sobre o estímulo de promover o prêmio que seria vitrine para ideias, pessoas e iniciativas. Para isso, fez uma chamada para indicação de personagens, porém acabou garimpando boa parte dos indicados, esforçando-se para encontrar novidades. “Queria fazer um mix do que já era reconhecido com o que pudesse ser descoberto”, declarou.

Passado o prêmio e após ter contato com tantos projetos, foi o momento de constituir a publicação. A primeira parte, com títuloSete empreendedores, conta em detalhes as trajetórias de figuras como Maria Elena Pereira Johannpeter, idealizadora da Parceiros Voluntários, instituição que desenvolve técnicas de gestão de voluntariado para ONGs; Julio César Lacerda Monteiro de Barros, responsável pelo Hortas Cariocas; e Virgílio Viana, ecologista fundador da Fundação Amazonas (FAS), entre outros.

Para o autor, o processo de escrita foi como fazer uma reportagem grande. “Eu tinha 50 livros na mão, o que era inexequível”, diz ele sobre a dificuldade de abordar todas as personalidades com profundidade. Em função disso, a segunda parte da coletânea é mais prática e direta. Nela, o jornalista classifica os empreendedores nas seções Ativistas, Intuitivos e Tecnológicos. O mapeamento e as categorias, ambos feitos pelo próprio profissional, têm como objetivo facilitar a leitura. Um exemplo é Leonardo Letelier, criador do banco de investimento social, SITAWI (http://www.sitawi.net/), a primeira iniciativa do tipo que visa incentivar exclusivamente o financiamento de ONGs e seus projetos. “Ele nunca se apresentou como ativista”, explica Rosenildo.

Já entre os Intuitivos, estão pessoas como Laurence Quinhones que, em meio aos debates iniciais sobre sustentabilidade, quando as marcas ainda não se apropriavam dessa causa de maneira muito intensa, criou a Ama Terra. Trata-se da primeira grande rede de venda de produtos pela internet que não agridem o meio ambiente.

Vanessa Testoni, por sua vez, é um dos casos Tecnológicos. Formada em ciência da computação e engenharia elétrica, tornou-se pesquisadora-doutora da Samsung Research do Brasil. Hoje, estuda o desenvolvimento de ambientes de realidade virtual que permitam interação. Além disso, incentiva meninas no ensino médio e na faculdade a aumentarem sua atuação em cursos de tecnologia por meio do grupo Woman in Engineering(WIE), cuja filial no Brasil ela ajudou a implantar.

Quando questionado se possui uma história que mais o inspira, o jornalista diz que todas são boas. Porém, há sim uma que se destaca: a de João Alfredo Preste, inventor do primeiro carro elétrico do registrado do Brasil. “É artesanal. Ele queria fazer, investiu e construiu”, afirma. O empreendedor tirou R$ 40 mil de seu próprio bolso no veículo que, depois de pronto, pode circular pelas ruas. O entrelaçamento dos temas de sustentabilidade e mobilidade nesse caso encantaram o autor.

Histórias Inspiradoras traz essa e outras narrativas nas quais seus protagonistas tiveram que superar todo tipo de barreiras. As financeiras estiveram presentes para muitos. Há quem tenha se deparado com o racismo no meio do caminho, com os empecilhos criados pelas gestões públicas, com todo tipo de burocracias e até mesmo com desafios pessoais de superação e dedicação intensa a uma causa.

“A sociedade brasileira tem aversão ao risco. Se diz moderna, mas olha a modernidade com desconfiança”, diz Rosenildo, que acredita no potencial de movimentos criativos. Sobre os entrevistados, que ele admira, afirma: “São pessoas que já receberam coleções de ‘nãos’. Poderiam fazer qualquer coisa em suas vidas, mas resolveram se engajar em algo diferente para elas e para o mundo”, finaliza.

Para comprar clique aqui ou na imagem que inicia essa matéria.

     Serviços

Título: Histórias Inspiradoras
Autor
: Rosenildo Ferreira
Editora: Bate-Papo e Editora Universidade Zumbi dos Palmares
Número de páginas: 202
Valor sugerido: R$ 35,00

Fonte: Portal Setor 3

Adicionar Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados *